Hipertrofia Muscular - Halteres ou Aparelhos?

Hipertrofia Muscular - Halteres ou Aparelhos

Muitos alunos de academia iniciantes, intermediários e as vezes até avançados sempre tem dúvida se é mais eficiente realizar exercícios com halteres ou nos aparelhos para um melhor resultado de ganho de massa muscular. Assim sendo, resolvi escrever essa matéria para esclarecer essas dúvidas.

A maioria sempre acha que existe uma fórmula pronta e extraordinária para poder definir qual tipo de exercício seria o melhor, porém, esta resposta vai depender do nível do praticante.

Vamos aprofundar.
Os exercícios nos aparelhos conseguem isolar os músculos de forma muito eficaz e fazem o movimento de forma guiada para o aluno, melhorando a postura, diminuindo o risco de lesões e sendo mais fácil a realização e execução do movimento. Visto desta maneira, o aluno iniciante terá uma necessidade maior da aplicação desses movimentos nos aparelhos para que se possa aprender corretamente a técnica de execução e depois então partir para os exercícios livres com halteres.

Os exercícios livres com halteres são excelentes para ativar os músculos agonistas (músculo alvo) e os sinérgicos (músculos auxiliares) sendo ótimos para o aluno que deseja um ganho maior de força e massa muscular. Além disso, exigem uma maior concentração para manter o equilíbrio resultando em uma perfeição maior dos exercícios e um trabalho maior das articulações. 
Porém, há a necessidade de um nível de treinamento mais avançado para esta aplicação. A parte ruim destes exercícios é que as chances de lesão devido má postura e uma técnica inapropriada de execução são muito grandes, por isso, é preciso estar consciente durante a realização do treino e utilizar uma carga que não prejudique o bom movimento.

E o aluno avançado?

Para este aluno os exercícios livres com halteres e em aparelhos são aplicados no mesmo treino, visto que, os livres vão dar volume, densidade, espessura e maturidade aos músculos, enquanto os aparelhos irão terminar de fadigar os músculos e isolar os mesmos tornando o treino mais eficaz quando se fala de treinamento de resultado e falha máxima.

Muitos métodos podem usados para um melhor treinamento. Como por exemplo, utilizar a pré-exaustão começando nos aparelhos e depois partindo para os exercícios livres ou ainda iniciar nos exercícios livres e terminar de esmagar os músculos nos aparelhos no final do treino. Há também circuitos de treino que usam exercícios livres e máquinas de forma intervalada e são muito interessantes.

Portanto, não há uma regra específica ou uma fórmula pronta como citei no início. O importante é usar os dois sistemas e manter-se sempre em estado de estresse muscular. Vale lembrar que quanto mais avançado, mais adaptado ao treino o aluno será, e assim, é preciso tentar fugir ao máximo dessa adaptação e procurar estressar a musculatura o máximo que puder.

Espero ter ajudado e até a próxima!!!
Deixe o seu feedback!

Comentários