AdSense topo

19 junho 2017

BCAA - Os benefícios com a suplementação de bcaa

Suplementação - BCAA

São chamados de AMINOÁCIDOS DE CADEIA RAMIFICADA compostos pela Isoleucina, Leucina e Valina, e representam um terço das proteínas do tecido muscular. Essa representação é significativa, pois essas proteínas são importantes para a construção de músculos e o aumento de energia nas células musculares.

Esses aminoácidos fornecem o suporte necessário para os exercícios físicos voltados para o ganho de tecido muscular, uma vez que aumentam a velocidade em que ocorre a síntese de proteínas, diminuem a taxa de degradação proteica e ajudam na recuperação pós-exercício.



* ISOLEUCINA

É um aminoácido essencial componente da proteína e tem um papel vital na síntese de proteína, no desenvolvimento da massa muscular e na prevenção de perda muscular.

Para atletas em treinamento intenso a Isoleucina traz uma grande vantagem: ajuda o organismo a se recuperar. Ela também é necessária para a formação da hemoglobina, responsável pelo transporte de ferro no sangue e pela regulagem dos níveis de açúcar no sangue, que é convertido em energia nos músculos durante os exercícios. A Isoleucina é utilizada como combustível pelas células musculares e evita que outros aminoácidos sejam consumidos.

Alguns estudiosos teorizam que a perda muscular na terceira idade pode ser causada pela deficiência de Isoleucina.

Pode ser encontrada na grande maioria dos alimentos ricos em proteína, principalmente as carnes vermelhas, os peixes, o queijo e também em boa parte dos grãos e castanhas.

* LEUCINA

É utilizada como fonte energética para os músculos. Ela tem um papel vital no funcionamento do sistema imune e, assim como a Isoleucina, também é usada como proteção, combustível e reparo muscular.

Atletas devem ingerir Leucina para potencializar o ganho de massa muscular, já que 90% da Leucina ingerida na alimentação pode ser utilizada como fonte de energia pelos músculos. Esse aminoácido melhora o ganho e a recuperação muscular, além de prevenir a perda muscular (catabolismo) e participa da produção do hormônio de crescimento ajudando na manutenção de níveis adequados de testosterona nos homens.

A Leucina aumenta a energia e a resistência dos atletas porque eleva o combustível disponível para as células musculares e preserva as reservas de energia. Nossos músculos se utilizam da Leucina tanto durante os exercícios quanto depois, quando estamos descansando. Pesquisas indicam que é o aminoácido de cadeia ramificada mais importante para a produção de energia. 

Pode ser encontrada em alimentos ricos em proteína e as maiores quantidades estão nos derivados do leite e na carne vermelha. Outra boa fonte são os suplementos de proteína do soro do leite e do ovo, assim como feijão, castanhas, farinha de soja e trigo integral.

* VALINA

Suas principais funções são ser uma fonte energética para os músculos e auxiliar no reparo dos tecidos. Também possui uma função importante no desenvolvimento muscular, no funcionamento do sistema imunológico e no equilíbrio dos níveis naturais de água e nitrogênio no organismo. O nitrogênio é importante para a avaliação da ingestão de proteína pois um balanço equilibrado está associado ao ganho de massa muscular.

Atletas beneficiam-se da Valina porque ela é parte dos aminoácidos da cadeia ramificada e é uma proteína de qualidade, o que auxilia na manutenção do equilíbrio corporal para o desenvolvimento de musculatura e na recuperação física.

As principais fontes desse aminoácido são laticínios, grãos, carnes, champignon, amendoim e proteína de soja.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui o seu comentário. Sua opinião é muito importante.